top of page
  • Ananda Moura

Chris Tonietto reforça a importância das frentes parlamentares em favor da vida

A Deputada Federal Chris Tonietto participou do lançamento da Frente Parlamentar em Defesa da Vida Desde a Concepção, que aconteceu na última terça-feira (5), na Câmara Legislativa. Convidada pelo Deputado Thiago Manzoni, a Deputada denunciou os ataques à dignidade humana promovidos por defensores do aborto.

Chris Tonietto reforça a importância das frentes parlamentares em favor da vida
Foto: Jeremias Alves

Em sua fala, Tonietto disse que o tema do aborto não deveria sequer ser discutido, pois atenta contra o mais básico dos direitos humanos: a vida desde a concepção.


“A vida humana está sendo ameaçada e a vida do mais frágil dos seres, o nascituro. A vida dele está sendo totalmente ultrajada, ameaçada por conta de muitos promotores da cultura da morte que estão espalhados não só no Brasil, mas fora também.”

Chris Tonietto reforça a importância das frentes parlamentares em favor da vida
Deputada Federal Chris Tonietto

A deputada ressaltou ainda a importância de iniciativas como a frente parlamentar, que se levanta na defesa dos mais vulneráveis. Ela destacou a atuação de parlamentares engajados na luta contra o aborto, afirmando que é preciso enfrentar os promotores da cultura da morte com coragem e determinação.


“E aqui estamos para fazer exatamente isso, além de nos colocar à disposição em nome da Frente Parlamentar Mista Contra o Aborto e Defesa da Vida na Câmara Federal. Mas, além de tudo, nós precisamos realmente nos levantar como uma nação soberana para lutar pela vida”, afirmou.

Chris Tonietto reforça a importância das frentes parlamentares em favor da vida
Foto: Jeremias Alves

Chris Tonietto também alertou para os perigos da legalização do aborto e citou exemplos de outros países. Ela enfatizou a necessidade de o Brasil permanecer como uma resistência à legalização do aborto na América Latina, reforçando o compromisso de continuar lutando pela vida.


“Quantos países já legalizaram o aborto e o Brasil permanece sendo a zona de retaguarda. A gente está plantando uma semente. Eu espero, do fundo do coração, que nós sejamos resistência sempre e para sempre. Que aqui se levantem os verdadeiros guerreiros em favor da vida. Que possamos emprestar a nossa voz para defender o nascituro, que ainda não tem voz. Nós não queremos a nossa bandeira manchada com sangue inocente”, enfatizou.




Comments


bottom of page