top of page
  • Carla Lepesteur

Thiago Manzoni é contra moção de repúdio a Nikolas Ferreira

Na sessão dessa terça (21), o Deputado Distrital Thiago Manzoni votou contra uma moção de repúdio ao Deputado Federal Nikolas Ferreira pelo discurso proferido no Dia da Mulher, em 8 de março. A moção foi aprovada pelo plenário da Câmara Legislativa do DF com um placar de 12 votos favoráveis e 7 contrários.





A moção, de autoria do Deputado Distrital Fábio Felix, tinha a seguinte descrição: Moção de Repúdio ao Deputado Federal Nikolas Ferreira, referente a discurso transfóbico proferido na Tribuna da Câmara Federal.


"Eu gostaria de deixar claro para todos que há uma unanimidade aqui. Ninguém concorda com atitude preconceituosa, ninguém concorda com perseguição, ninguém concorda com assassinato. Isso é generalizado. A nossa sociedade, de maneira geral, é pacífica. Agora, nós não vamos admitir que a perseguição que se deu nos últimos quatro anos ao presidente Bolsonaro e ao seu partido se perpetue por meio de perseguições aos deputados que foram eleitos na esteira dessa pauta conservadora e liberal na economia", explicou Manzoni.

Votaram a favor da moção de repúdio os Deputados Chico Vigilante (PT), Dayse Amarilio (PSB), Eduardo Pedrosa (União), Fabio Felix (PSOL), Gabriel Magno (PT), Jaqueline Silva (sem partido), Jorge Vianna (PSD), Max Maciel (PSOL), Pepa (PP), Ricardo Vale (PT), Robério Negreiros (PSD) e Wellington Luiz (MDB).


Além de Thiago Manzoni, foram contrários à moção os Deputados Iolando (MDB), João Cardoso (Avante), Joaquim Roriz Neto (PL), Martins Machado (Republicanos), Pastor Daniel de Castro (PP), Rogério Moro da Cruz (PMN).

Comments


bottom of page