top of page

"Isso não é uma prova do Enem; é um panfleto ideológico da extrema esquerda", disse Manzoni

Querem criminalizar o agronegócio brasileiro, responsável por alimentar cerca de 1 bilhão de pessoas em todo o mundo


Em seu discurso no plenário da Câmara Legislativa desta terça-feira (07), o Deputado Thiago Manzoni falou sobre a doutrinação política nas escolas do Brasil. Segundo o Deputado, um dos maiores gargalos que o Brasil enfrenta é a ausência de produtividade, devido à péssima escolarização.

O Brasil fica na posição 59, entre 63 países, segundo a OCDE
Foto: Jeremias Alves
“Nós somos um país improdutivo, o que era de se esperar porque a nossa escolarização é péssima. O Brasil fica na posição 59, entre 63 países, segundo a OCDE. Não é que o nosso sistema educacional é ruim, é que ele é muito ruim”, lamentou o distrital.

Em seguida, Manzoni citou as questões ideológicas cobradas no Enem, no último fim de semana, nas quais os textos nitidamente criminalizavam o agro no Brasil e leu a questão de número 89. De acordo com o parlamentar, a intenção pejorativa da questão é explícita, tanto em relação à tecnologia, como se a tecnologia fosse algo ruim, quanto em relação ao capital.

os textos nitidamente criminalizavam o agro no Brasil e leu a questão de número 89
Imagem de reprodução da questão

“A escolarização no Brasil, ela é, na verdade, doutrinação político-ideológica. É perseguição a determinado pensamento, é perseguição a quem quer produzir. Quem mais produz no Brasil hoje, o agro. Advinha quem foi achincalhado na prova do Enem?” indagou o Deputado.

Veja o discurso completo:




Comments


bottom of page