top of page

Aprovado projeto de Manzoni que institui o "Dia da Cultura Surda"

Busca por inclusão na sociedade e uma maior sensação de pertencimento e bem-estar


O projeto de lei 534/2023, de autoria do Deputado Thiago Manzoni, que institui e inclui no Calendário Oficial do Distrito Federal o "Dia da Cultura Surda", a ser celebrado anualmente em 5 de setembro, foi aprovado no plenário da Câmara Legislativa nesta quarta-feira (13). De acordo com dados do IBGE, o DF possui mais de 97 mil cidadãos com algum grau de deficiência auditiva, e aproximadamente 25 mil se comunicam por meio da lingua de sinais.

O projeto de lei 534/2023, de autoria do Deputado Thiago Manzoni, que institui e inclui no Calendário Oficial do Distrito Federal o "Dia da Cultura Surda"
Imagem ilustrativa
"Mesmo representando parcela significativa da população, a comunidade surda, bem como sua cultura, é pouco conhecida do restante da população do DF e do Brasil, sendo imprescindível a sua valorização. É com esse objetivo que apresentamos a proposição em tela como um movimento que visa reverter estereótipos e auxiliar as pessoas não surdas ou ouvintes a valorizarem o povo surdo, iniciando uma relação intercultural de respeito, orgulho e confiança mútuos", reprodução de trecho do projeto.

No contexto de um povo que sofre diversos preconceitos da sociedade, o reconhecimento da existência da cultura surda incentiva a criação de vínculos de confraternidade, afinidade e afeto entre os indivíduos, permitindo que tenham uma melhor qualidade de vida, inclusão na sociedade, maior sensação de pertencimento e bem-estar, de maneira que não sejam tratados como deficientes, mas sim como sujeitos ímpares de uma mesma geografia.




Comments


bottom of page